ACESSE SUA ÁREA

Esqueceu a senha?

Araraquara, Sábado, 20 de Julho de 2019

30/04/2019 | 22:46:39

Combate à fome é prioridade em Araraquara

Prefeitura lança nesta sexta-feira (3/5) o PMAIS (Programa Municipal da Agricultura de Interesse Social), que garantirá 500 cestas de alimentos semanais para as unidades dos Cras

Combate à fome é prioridade em Araraquara

Para a Prefeitura as ações de combate à fome em Araraquara são prioritárias. A partir desta sexta-feira (3/5), com o lançamento do PMAIS (Programa Municipal da Agricultura de Interesse Social), em evento às 11h, no Cras (Centro de Referência da Assistência Social) do Jardim das Hortênsias, mais famílias terão acesso a alimentos saudáveis. 

O programa, realizado pela Coordenadoria de Agricultura e pela Coordenadoria de Segurança Alimentar, tem objetivo de reduzir a fome e a pobreza, irá aumentar a quantidade de cestas de hortifrútis (frutas, verduras, legumes) distribuídas para famílias em vulnerabilidade social cadastradas nos Cras. 

Antes, pelo programa PAA-Conab, 300 cestas eram entregues nos Cras das seis regiões integrantes do “Territórios em Rede”. Com o PMAIS, serão 500 cestas distribuídas e para todos os Cras de Araraquara. Os alimentos serão comprados por meio de recursos próprios da Prefeitura junto à agricultura familiar. 

Além do combate à fome e à extrema pobreza, outro objetivo do PMAIS é criar oportunidades para o agricultor familiar produzir e ter renda em sua pequena propriedade. Um chamamento público feito pela Prefeitura selecionou os agricultores que irão vender os alimentos para o programa. O investimento total será de R$ 430 mil até o final do ano. 

“É um programa que vem ao encontro das outras ações da Prefeitura no combate à fome. Vamos passar de 300 para 500 cestas que serão distribuídas em toda a rede, garantindo o acesso a uma variedade maior de hortifrútis”, explica o coordenador de Segurança Alimentar, Marcelo Mazeta. 

Entre as outras ações estão a própria criação do “Territórios em Rede” — que integra políticas públicas para a redução da vulnerabilidade social —, a distribuição de alimentos para entidades assistenciais e a proposta de criação do “Bolsa Cidadania” — para garantir o direito à renda mínima para alimentação da população e propiciar a inclusão produtiva. 

Segundo Mazeta, a Prefeitura e a Uniara (Universidade de Araraquara) também irão oferecer orientações sobre preparo e consumo dos alimentos à população, nas unidades dos Cras, a partir de agosto.

 

Conferência 

A coordenadora de Agricultura, Silvani Silva, lembra que o PMAIS foi uma demanda apresentada pela população na 1ª Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional e de Desenvolvimento Rural Sustentável. 

“A redução da pobreza começa no campo. Isso garante renda no campo e mais qualidade de vida, além da garantia de segurança alimentar de quem mora no meio urbano”, afirma Silvani.

Visite a página do site FolhaCidade no Facebook

COMENTÁRIOS

Comentar

Máximo de caracteres: 200

|   Caracteres digitados:

Comentar

Para poder comentar, cadastre-se.

Se j?for cadastrado, ?s?

Publicidade

FACEBOOK

Publicidade

Tl: (16) 3332-5307 / 99727-0985 (site)


(16) 3332-3626 / 99743-2822 (jornal)

contato@folhacidade.com.br

Copyright © 2005/2017 - folhacidade.net. Todos os Direitos são Reservados