ACESSE SUA ÁREA

Esqueceu a senha?

Araraquara, Domingo, 24 de Junho de 2018

05/03/2018 | 21:16:56

Feiras de produtos do campo continuam atrativas na cidade

Além de obter hortifrutis saudáveis a preços acessíveis, população ainda pode desfrutar de locais onde feiras são realizadas

Feiras de produtos do campo continuam atrativas na cidade

Adquirir produtos hortifrutis saudáveis diretamente do campo, oferecidos com preços acessíveis e em horários alternativos e locais agradáveis, continua uma prática saudável em Araraquara. 

São os casos das feiras noturnas realizadas três vezes por semana na cidade por produtores rurais do município. Na quinta-feira, ela ocorre das 16h às 21h, na antiga Estação Ferroviária; as sextas, na Praça Scalamandré Sobrinho, das 17h às 21h; e também as terças-feiras, na unidade IV da Uniara - Universidade de Araraquara, na Rua Maria Antônia Camargo de Oliveira (Via Expressa), das 15h30 às 19h. 

Segundo Silvani Silva, coordenadora executiva de Agricultura, ligada à Secretaria Municipal do Trabalho e do Desenvolvimento Econômico, além dos produtos saudáveis, os locais onde são realizadas as feiras também servem de lazer para o consumidor e sua família. 

Silvani enumera as vantagens de cada feira noturna na cidade. A do Museu Ferroviário, na antiga estação, por exemplo, também oferece a oportunidade para o consumidor apreciar a bela arquitetura do local. 

A da Praça Scalamandré Sobrinho, em frente à Arena da Fonte, possui um grande espaço físico para práticas esportivas, além de estacionamento e da praça de alimentação. 

O objetivo das feiras noturnas é facilitar a vida do consumidor, principalmente para a mulher que trabalha durante o dia, além incentivar a criança a consumir produtos saudáveis, de acordo com Silvani. 

“A feira é uma oportunidade para os pais levarem os filhos para conhecer a local e estimulá-los para o consumo de alimentos em natura”, acrescenta a coordenadora de Agricultura. 

Vale destacar que os hortifrutis produzidos nos assentamentos rurais de Araraquara são colhidos no próprio dia da feira e o consumidor ainda tem a vantagem de estabelecer um contato direto com o produtor.

 

Outras alternativas 

Silvani Silva também destaca o prefeito Edinho. “Desde seu primeiro mandato, a partir de 2001, Edinho lançou a proposta das feiras dos agricultores, como a da Praça Pedro de Toledo (em 2002), tradicional até hoje, aos sábados de manhã, e uma das mais consolidadas na cidade”. 

A coordenadora ainda falou das feiras permanentes que ocorrem todos os dias no interior do Terminal Central de Integração (TCI) e as que são realizadas no período da manhã em algumas padarias de Araraquara, em parceria com o Sindicato da Panificação. 

Inclusive, a relação das padarias e os horários dessas feiras do campo podem ser conferidos de segunda da sexta-feira, das 7h às 15h, pelo telefone 3301-6164, ou no site da Prefeitura (www.araraquara.sp.gov.br).

 

Preço e clima 

Os preços dos hortifrutis normalmente são alterados por conta das condições climáticas, como sol ou chuva em excesso, que atingem principalmente as hortaliças 

“É importante, por isso, que o consumidor fique atento e adquira os produtos certos em cada época de produção”, lembra Silvani. 

A tendência, ainda segundo a coordenadora de Agricultura, é que os preços dos hortis baixem a partir deste mês de março, por conta da diminuição das chuvas, que normaliza a produção. 

Ainda de acordo com Silvani Silva, mesmo sendo alterados para cima em alguns períodos, os preços oferecidos pelas feiras livres são bastante acessíveis ao consumidor dentro do programa Economia Solidária.

Visite a página do site FolhaCidade no Facebook

COMENTÁRIOS

Comentar

Máximo de caracteres: 200

|   Caracteres digitados:

Comentar

Para poder comentar, cadastre-se.

Se já for cadastrado, é só

Publicidade

FACEBOOK

Publicidade

Tl: (16) 3332-5307 / 99727-0985 (site)


(16) 3332-3626 / 99743-2822 (jornal)

contato@folhacidade.com.br

Copyright © 2005/2017 - folhacidade.net. Todos os Direitos são Reservados